PCAR3 - PÃO DE ACÚCAR: ações, cotação, dividendos, ri

Preço de PCAR3

R$ 3,08

Dividend Yield

0,00%

Tag Along

100,00%

Valor de Mercado

R$ 1,51 bilhão

Cotação de PCAR3

30 dias
3 meses
6 meses
1 ano
5 anos
Ticker 1 mês 3 meses 6 meses 1 ano 5 anos 10 anos
PCAR3 5,09% 30,52%   -30,34% -86,32% -96,46% -95,34%
ASAI3 -4,53% -18,44% -24,24% -13,72% -23,16% -23,16%
CRFB3 17,38%   -4,71% -9,60% -1,20%   -47,95% -17,25%
GMAT3 3,67% 0,97% 6,03%   -5,63% -17,44% -17,44%
RADL3 2,16% 2,86% -4,72% -8,91% 78,36%   668,84%  

Crescimento

Crescimento da Receita
Crescimento do Lucro
Crescimento do EBITDA

Sobre PCAR3

logo de pão de acúcar

Atividade: Comércio varejista

Como PÃO DE ACÚCAR ganha dinheiro

Monitoramos mudanças de preço relevantes pra você.
Siga PCAR3 para ser avisado.

Indicadores Fundamentalistas de PCAR3

Dividend Yield

0,00%

Payout

0,00%

P/L

-0,58

P/VP

0,32

P/SR

0,07

VPA

9,51

FCF Yield

-42,33%

FCF / Sales

-3,30%

EV/EBIT

-1,66

EV/EBITDA

-4,08

EV/Sales

0,16

ROE

-55,67%

ROA

-12,45%

ROIC

-17,61%

Dívida Líquida / PL

0,36

D. Líquida / EBITDA

-2,16

Liquidez Corrente

1,11

LPA

-5,30

Margem Bruta

25,67%

Margem EBITDA

-4,06%

Margem EBIT

-9,97%

Margem Líquida

-13,43%

CAGR Receita 3A

5,70%

CAGR Lucro 3A

-34,74%

CAGR Receita 5A

-7,76%

CAGR Lucro 5A

-2,42%

PEG Ratio 3A

0,01

PEG Ratio 5A

0,23

Cobertura de Juros

-

Free Float

58,00%

Último resultado processado: 1º trimestre de 2024 (1T24)

Resultados de PÃO DE ACÚCAR

anual
trimestral
2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 2021 2022 2023 UDM
Receita Líquida 32.092 46.594 50.924 57.854 65.407 37.198 41.454 44.634 49.388 28.838 51.253 16.298 17.321 19.250 19.340
Margem Bruta 24% 27% 27% 26% 26% 24% 23% 25% 24% 26% 27% 27% 25% 25% 26%
EBITDA 1.940 2.844 3.703 3.814 4.755 1.823 940 2.671 4.080 3.171 6.280 2.975 2.194 -407 -787
Margem EBITDA 6% 6% 7% 7% 7% 5% 2% 6% 8% 11% 12% 18% 13% -2% -4%
EBIT 1.493 2.137 2.869 2.949 3.826 721 -149 1.838 2.758 1.612 3.716 858 292 -1.543 -1.930
Margem EBIT 5% 5% 6% 5% 6% 2% 0% 4% 6% 6% 7% 5% 2% -8% -10%
Lucro 586 720 1.156 1.396 1.584 -276 -1.076 811 1.284 836 2.326 960 -4 -2.134 -2.598
Margem Líquida 2% 2% 2% 2% 2% -1% -3% 2% 3% 3% 5% 6% 0% -11% -13%

Fluxo de Caixa de PÃO DE ACÚCAR

Balanço Patrimonial de PÃO DE ACÚCAR

Dividendos de PÃO DE ACÚCAR (PCAR3)

Múltiplos de PÃO DE ACÚCAR (PCAR3)

Sobre PÃO DE ACÚCAR

Setor de atuação

Subsetor de atuação

Segmento de atuação

Segmento de listagem

Novo Mercado

Número de ações

490 milhões

Liquidez média diária

R$ 81,6 milhões

Valor de mercado

R$ 1,51 bilhão

Dívida líquida

R$ 1,7 bilhão

Valor da firma

R$ 3,21 bilhões

Ativos

R$ 22,1 bilhões

Passivos

R$ 17,3 bilhões

Patrimônio líquido

R$ 4,72 bilhões

Investidores pessoa física

67,4 mil

Investidores pessoa jurídica

569

Investidores institucionais

891

Fundação: 1981 (43 anos)

Listagem: 1995 (29 anos)

Atividade: Comércio varejista

Encerramento do exercício: 31/12

Acessar RI de PÃO DE ACÚCAR

História de PÃO DE ACÚCAR

A Companhia foi formalmente constituída em 10 de novembro de 1981 sob a denominação socialde Companhia Brasileira de Distribuição, em decorrência de uma fusão.

No entanto, a história da companhia remonta a 1948, coma inauguração pelo seu fundador, Sr. Valentimdos Santos Diniz, de uma doceria na cidade de São Paulo, com o nome de Pão de Açúcar, sendo o Sr. Valentim um dos pioneiros no setor varejista de alimentos no Brasil.

Em 1959, a doceria se tornou o primeiro supermercado da companhia e é onde sua sede está instalada hoje. O fundador da companhia, com a experiência adquirida no Brasil e em Portugal, seu país de origem, desenvolveu um novo conceito de varejo, incorporando o autosserviço e, assim, em 1971, fundou o primeiro hipermercado do país.

Na década de 1980 a companhia inaugurou as lojas Extra, com foco no oferecimento de tecnologia de ponta e grande variedade de produtos aos seus clientes.

A década de 1990 foi marcada por grandes mudanças no grupo. Em 1995, a companhia fez sua oferta pública inicial de ações, se tornando a primeira companhia varejista de alimentos com ações preferenciais negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo – antiga denominação da B3.

Em 1997, a companhia se tornou a primeira empresa varejista brasileira a negociar ADSs na Bolsa de Valores de Nova York (New York Stock Exchange – NYSE). Em 1999, ela adquiriu a rede de supermercados Peralta e fez uma aliança estratégica com o Grupo Casino, que adquiriu, à época, 24,5% de seu controle acionário.

Após 6 anos da entrada do Grupo Casino na companhia, o Grupo Diniz e o Grupo Casino, visando a consolidar as suas bem-sucedidas relações comerciais, celebraram um acordo de associação, pelo qual passaram a compartilhar o controle da companhia por meio de uma sociedade holding cujo capital votante foi dividido entre o Grupo Diniz e o Grupo Casino, na proporção de 50% para cada um. Nesse mesmo contrato, foi estipulado o direito do Grupo Casino assumir o controle isolado da companhia a partir de junho de 2012, o que acabou por acontecer.

A década de 2000 foi marcada por uma nova expansão do grupo, com a conquista de relevante participação de mercado no setor varejista, com destaque para a aquisição da rede Sé Supermercados Ltda. (Sé), em 2002, e a associação com o grupo Sendas, líder do segmento no Estado do Rio de Janeiro, em 2004.

No mesmo ano, a companhia firmou uma parceria financeira com o, até então, Banco Itaú S.A., para o oferecimento de cartões de crédito private label (marca própria) e co-branded (cartões de afinidade), crédito pessoal e ao consumidor, garantias estendidas e seguros nas suas lojas.

Em 2006, para fazer parte do segmento de varejo de maior projeção no país naquele momento – o de lojas com até quatro check-outs, a companhia criou o Extra Perto, cuja denominação foi alterada para Extra Fácil, para Minimercado Extra e, posteriormente, para Mini Extra, que se constituía um novo modelo de loja inspirado no modelo europeu de varejo de proximidade.

Em 2007, a companhia adquiriu 60% da participação societária da Sendas Distribuidora S.A. (Sendas), a qual foi segregada das atividades da companhia em 31 de dezembro de 2020. Já em 2008, ela iniciou as operações de atacado de autosserviço no Estado do Rio de Janeiro.

Em 2009, além de adquirir a totalidade da participação societária de Sendas, adquiriu a Globex Utilidades S.A., cuja denominação social foi alterada para Via Varejo S.A., em fevereiro de 2012, empresa que possuía a operação de venda eletroeletrônicos por meiode lojas físicas e de e-commerce representada pela marca Ponto Frio, na época o segundo maior player do mercado brasileiro no segmento, e celebrou um contrato de associação com Casas Bahia, primeiro player isolado, fortalecendo ainda mais seu posicionamento no mercado de bens duráveis.

Em novembro de 2010, a companhia concluiu a associação com Casas Bahia e começou a reportá-la nos seus números consolidados.

Quando adquiriu a Nova Casa Bahia, concordou comos seus antigos acionistas controladores em concentrar todos os ativos de comércio eletrônico do Grupo Pão de Açúcar e Casa Bahia Comercial Ltda. na Nova Pontocom Comércio Eletrônico S.A. (Nova Pontocom), empresa de comércio eletrônico controlada pela Via Varejo.

Ainda em 2009, a companhia comprou a parcela remanescente da Sendas, passando a deter a totalidade do capital dessa sociedade, a qual foi segregada das atividades da companhia em 31 de dezembro de 2020. Em 2011, também concluiu a conversão das lojas Compre Bem e Sendas, que havia iniciado em 2010, para Extra Supermercado.

Em 11 de junho de 2019, a companhia recebeu uma comunicação do Sr. Michael Klein informando que, caso a companhia realizasse a venda de todas as ações que detinha no capital social da Via Varejo S.A., à época representativas de 36,27% do capital social da Via Varejo S.A., em leilão de venda de ações em pregão da B3, o Sr. Michael Klein apresentaria, individualmente (direta ou indiretamente) e em conjunto com outros investidores, uma ou mais ordens de compra para aquisição de todas as ações da Via Varejo detidas pela companhia.

Assim, em 14 de junho de 2019, conforme previamente aprovado pelo Conselho de Administração da Companhia em 12 de junho de 2019, a companhia realizou um leilão na B3 detoda a sua participação acionária na Via Varejo S.A., alienando, pelo preço de R$4,90 por ação, a totalidade de tal participação. Dessa forma, os ativos e passivos da Via Varejo S.A. não fazem mais parte do portfólio da companhia.

Em 31 de dezembro de 2020, foi aprovada a cisão parcial da Sendas, com a segregação da participação da dona do Assaí no grupo Éxito S.A, controlado pelo GPA desde 2019.

QUAL O CNPJ DE PÃO DE ACÚCAR (PCAR3)?

O CNPJ de PÃO DE ACÚCAR (PCAR3) é 47.508.411/0001-56.

QUAL É O SITE DE RI DE PÃO DE ACÚCAR (PCAR3)?

O site de RI de PÃO DE ACÚCAR (PCAR3) é http://www.gpari.com.br.

QUANDO PÃO DE ACÚCAR (PCAR3) PAGA DIVIDENDOS?

O último dividendo de PÃO DE ACÚCAR (PCAR3) foi pago no dia 15/06/2022, no valor de R$ 0,35.

QUAL O PREÇO ALVO DAS AÇÕES DE PÃO DE ACÚCAR (PCAR3)?

Segundo os analistas consultados do mercado, o preço alvo mínimo de PÃO DE ACÚCAR (PCAR3) é R$ 3,00 (a cotação atual é R$ 3,08). Para conhecer todos os preços alvos de PÃO DE ACÚCAR (PCAR3), além de recomendações dos analistas e resultados estimados confira os benefícios do PREMIUM.

Acionistas de PÃO DE ACÚCAR (PCAR3)

atualizado em 25/06/2024

Empresas semelhantes a PÃO DE ACÚCAR

logo de assaí
ASAI3
SENDAS DISTRIBUIDORA S.A.
logo de carrefour
CRFB3
ATACADÃO S.A.
logo de grupo mateus
GMAT3
GRUPO MATEUS S.A.
logo de raia drogasil
RADL3
RAIA DROGASIL S.A.